Óleos essenciais para ansiedade livre-se do estresse

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Você já pensou em usar óleos essenciais para a ansiedade? Mas antes que você me responda, vamos falar um pouquinho sobre ela: Ansiedade é o termo que usamos para classificar a reação que uma pessoa tem diante de situações do dia a dia, acionando distúrbios que causam medo, preocupação, nervosismo, estresse e apreensão. Podemos classifica-la como o mal do século.

Somente quem lida com um quadro de ansiedade generalizada sabe o quanto é complicado controlar os gatilhos que precedem uma crise. Uma das ferramentas indicadas pela psicoterapia para tratar a TAG ( transtorno de ansiedade generalizada) é a meditação e junto com ela entra a aromaterapia e seus óleos essenciais.

Controlando a ansiedade com óleos essenciais
Controlando a ansiedade com óleos essenciais

Os óleos essenciais são derivados de plantas, flores e frutas. Pesquisas sugerem que a aromaterapia com alguns óleos essenciais pode ajudar a promover relaxamento e aliviar a ansiedade.

Neste artigo, vamos listar os melhores óleos essenciais para aliviar ansiedade para que você aproveite todos os benefícios que eles podem oferecer contra esse mal, que atinge milhares de pessoas em todo o mundo.

Também vamos te ensinar a usar óleos essenciais, mistura de óleos, riscos, cuidados e quando consultar um médico para ansiedade.

Importante: Ansiedade generalizada é uma doença que precisa ser tratada com um profissional médico, os óleos essenciais vão ajudar no processo de relaxamento e controle, não dispensa o tratamento com um profissional

Quais óleos essenciais podem aliviar a ansiedade?

 

Bergamota laranja

O óleo de bergamota laranja é um dos primeiros óleos essenciais para ansiedade pois é rico em benefícios, e muito útil para tratar infecções da boca, pele e eficaz para o sistema respiratório e urinário, podendo também ser usado para regular o apetite.

Suas principais propriedades são:

Revigorante, antidepressivo, anti-séptico, analgésico e anti-espasmódico. Refrescante, desodorizante, digestivo, expectorante, febrífugo, estomáquico, tônico, vermífugo, carminativo, repelente de insetos, etc…

A Bergamota é calmante, sedativo (sistema nervoso) bom para o equilíbrio e o estado de ânimo, logo apresenta um resultado bastante eficaz no controle da ansiedade.

Pesquisas feitas em animais constataram que a inalação de óleo essencial de bergamota e laranja tem um efeito redutor de ansiedade em ratos. Em outros estudos, descobriu-se que, em comparação com a inalação de vapor de água, a aromaterapia com óleo essencial de bergamota reduzia a ansiedade em pessoas que aguardavam pequenas cirurgias.

Uso indicado: Inalação e vaporização

Camomila

Outro óleo essencial para ansiedade muito usado é o de camomila. A camomila já é popularmente conhecida por seu efeito calmante com o uso de chás e ervas.

As duas espécies mais comuns de camomila utilizada na aromaterapia para a produção de óleos essenciais são as Camomila Alemã e Camomila Romana. Seu óleo é um dos mais antigos usados pela humanidade devido aos benefícios que ele oferece.

Ele possui propriedades analgésicas, antialérgicas, calmantes, antidepressivas, anticonvulsivas e combate a anemia. É também um excelente cicatrizante, antisséptico, diurético, digestivo e sedativo.

O óleo causa um efeito emocional de relaxamento, eliminando tensão, raiva e medo, proporcionando uma sensação de conforto e bem-estar.

Segundo uma pesquisa internacional no instituto do câncer, foram observados os efeitos da massagem com óleo de camomila romana em pessoas com câncer .

O estudo descobriu que a massagem com este óleo diluído ajudou a diminuir a ansiedade e outros sintomas mais do que a massagem sozinha.

Uso indicado: Através da inalação ou de aromatizador

Sálvia Esclareia

As propriedades medicinais do óleo essencial da sálvia esclareia são muitas: é relaxante, adstringente, antisséptica, aromática, fortalecedora dos cabelos, regeneradora celular, tem ação antidepressiva e um forte efeito antiespasmódico, além de expressar a mesma atividade que o estrogênio, o hormônio feminino.

óleo essencial de Sálvia esclareia é especialmente indicado para ansiedade, artrite, asma, depressão, estresse, indigestão, memória, menstruação ausente ou escassa, pressão alta e TPM. Além disso, é uma das melhores opções para ser usada no momento do parto.

A sálvia é uma erva medicinal que muitas pessoas acreditam ter propriedades que aliviam a ansiedade. Uma pesquisa recente explorou os efeitos do óleo essencial em 34 mulheres com incontinência urinária . Os participantes inalaram óleos essenciais de sálvia, lavanda ou amêndoa durante um exame na bexiga.

O estudo constatou que, em comparação com aqueles que inalaram óleos essenciais de lavanda e amêndoa, os participantes que inalaram óleo de sálvia experimentaram reduções significativas na pressão sanguínea e na frequência respiratória.

Os pesquisadores concluíram que a inalação do óleo de sálvia pode ajudar a pessoa a relaxar sob uma situação de tensão.

Uso indicado:

  • Via Oral, 2 gotas em 1 colher de sopa de mel, 2x ao dia
  • Via inalação/ evaporação, 5 gotas em um chumaço de algodão ou inalador elétrico
  • Via dérmica, diluído em óleo transportador com massagem no baixo ventre

É contra indicado para gestantes, lactantes, bebes, crianças e pessoas em tratamento de câncer

Lavanda

Se você quer uma ótima indicação de óleos essenciais para a ansiedade, lavanda é uma ótima opção. Ela é uma planta roxa com um perfume bastante acentuado. Os aromaterapeutas geralmente usam óleos essenciais de lavanda, alegando que possuem propriedades anti-inflamatórias, relaxantes musculares e para aliviar a ansiedade.

Óleo essencial de lavanda efeito calmante
Óleo essencial de lavanda efeito calmante

Algumas pesquisas feitas na aromaterapia com óleo essencial de lavanda constatou ajudar a reduzir a ansiedade antes de cirurgias e em pacientes em uma unidade de terapia intensiva.

Hoje é associado como o principal óleo para combater estresse, a lavanda acalma e tranquiliza. No rosto age como relaxante muscular e atenua marcas de expressão. No corpo trata dores originadas por tensão.

Alivia torcicolos, cólicas menstruais e estomacais, tendinites, dores nos pés e nas costas. Seu aroma afasta o estresse, nervosismo, a ansiedade e traz uma energia voltada para o conforto, paz e harmonia.

Uso indicado:

  • Em difusores para aromatizar ambientes, trazendo tranquilidade e relaxamento
  • No corpo via dérmica através de massagens

Limão

O óleo essencial de limão possui muitas propriedades: é antibacteriano, melhora a circulação e estimula o sistema nervoso. Devido a essas propriedades estimulantes do sistema nervoso, ele é bastante utilizado na aromaterapia, pois essa essência é capaz de promover a concentração nos estudos e no trabalho, além de melhorar o humor e a resistência física e mental ao estresse.

É preciso ter cuidado ao usar esse óleo e não exagerar na quantidade pois se trata de um óleo cítrico e muito intenso. Ele trás um efeito de alívio contra a ansiedade mas se a dosagem for ultrapassada pode provocar um efeito reverso.

O óleo essencial de limão nunca deve ser usado puro, sempre diluído em um óleo transportador e muitas vezes uma ou duas gotas bastam para o efeito desejado.

Portanto, pode ser melhor que as pessoas usem óleo de limão em doses mais baixas ou por períodos mais curtos.

Também é importante notar que os óleos essenciais cítricos aumentam a sensibilidade à luz solar. Uma pessoa deve proteger sua pele de toda a exposição ao sol ao usar óleo essencial de limão.

Neroli

O óleo essencial de néroli trata distúrbios do sono e desequilíbrios emocionais, como ansiedade, síndrome do pânico, estresse e falta de abertura e alegria pela vida, pois tem como componente destaque a substância química Linalol.

O Néroli também regula hormônios femininos, por exemplo, o estrogênio. Com isso você pode utilizá-lo para tratar sintomas da menopausa, TPM, falta de desejo sexual e alterações de humor.

O aroma do óleo é doce e cítrico, fazendo total diferença na experiencia sensorial. Ele é considerado um dos óleos mais sofisticados da aromaterapia, com alto valor agregado e representa luxo e sofisticação.

Uso Indicado:

Aromatização: 6-15 gotas em difusor, 3 vezes ao dia.

– Uso Local: a partir de 3% de diluição.

– Massagem: Para cada 100ml de óleo carreador utilize 50-60 gotas de óleo essencial (2-3%)

– Banheira: Dilua de 6 a 12 gotas de óleo essencial em um copo com água e shampoo. Misture e coloque na banheira. No escalda-pés use de 3-6 gotas na água.

Rosa

Dentre os óleos essenciais para ansiedade, o de rosas é muito utilizado pelas mulheres. Ele contém propriedades extremamente eficientes para o sistema reprodutor feminino, possui ação tônica sobre o útero, é um suave emenagogo (provoca a menstruação), regula o ciclo menstrual e pode ajudar a regular a menopausa.

Trata-se de um famoso antidepressivo, ótimo para depressão pós-parto, insegurança e anorexia (devolve o interesse da mulher por sua feminilidade).

Possui aroma doce e suave, é especialmente utilizado para aliviar ansiedade, tensão, depressão dor de cabeça, insônia etc. É muito útil também para todos os tipos de pele e controla a harmonia no ambiente pois acalma as emoções.

Ele é muito usado para meditação pois ajuda a mulher a se reconectar com sua feminilidade, corpo e alma.

Uso indicado: evaporação e massagem

Ylang-ylang

O óleo essencial de ylang-ylang vem das flores da árvore Cananga odorata . Muitos aromaterapeutas acreditam que o óleo de ylang-ylang pode ajudar a reduzir o estresse e a ansiedade.

Seu aroma é doce e marcante. É conhecido por ser eficaz no tratamento de peles oleosas e por estimular o couro cabeludo, favorecendo o fortalecimento e crescimento dos cabelos. Atua em casos de taquicardia e respiração acelerada.

Além de possuir qualidades antidepressivas, é uma fragrância muito sensual, despertando a libido e atenuando problemas sexuais.

Um banho com o ylang-ylang produz uma experiência maravilhosa e calmante que promove o equilíbrio do corpo e da Alma em sua essência. Mas cuidado com a dosagem, seu uso excessivo pode produzir dores de cabeça quando se está em um estado de resistência

Ele tem a capacidade de acalma o sistema nervoso, provoca a revitalização do corpo eletromagnético, para que ele manifeste quantidades maiores de energia de cura. Energeticamente, isso acalma os sentimentos de raiva e frustração quase que imediatamente de maneira emocional, mental e etérico.

Seu efeito sedativo produz um sentimento profundo de relaxamento. É um bom óleo para os insones.

Uso Indicado: Em preparação de banhos, evaporação ou massagens

Todos os benefícios dos óleos essenciais a seu favor
Todos os benefícios dos óleos essenciais a seu favor

Como usar óleos essenciais

Os difusores Reed são muito recomendados para distribuir o aroma do óleo essencial em um ambiente. Os óleos essenciais são muito concentrados e puros. Muitos desses óleos são tóxicos, portanto, uma pessoa não deve ingeri-los.

A maioria dos fabricantes recomenda diluir os óleos essenciais com um óleo transportador, como azeite ou óleo de amêndoa doce. Leia sempre o rótulo antes de usar e siga cuidadosamente as instruções para diluir o óleo.

Procure comprar óleos essenciais de boa procedência para garantir a qualidade.

É sempre recomendado fazer um teste de sensibilidade antes de aplicar óleos essenciais à pele ou aos tecidos como precaução. Alguns podem manchar ou causar irritação na pele e até mesmo reação alérgica.

Existem várias maneiras diferentes de uma pessoa usar óleos essenciais diluídos, como:

  • usando os óleos em difusores especiais
  • aplicar os óleos em móveis e tecidos macios, como roupas de cama, travesseiros ou almofadas
  • massageando diretamente na pele
  • mistura com sais de banho ou loções

Riscos e considerações

Os óleos essenciais puros são altamente concentrados e muitos são potencialmente tóxicos. Por esse motivo, é vital diluí-los em óleo transportador antes de usar e sempre que possível fazer um teste na pele para identificar possíveis alergias. Os fabricantes geralmente fornecem conselhos sobre a melhor forma de diluir o óleo essencial.

Diluir o óleo reduz a probabilidade de irritar a pele, os olhos ou os pulmões de uma pessoa. Nunca aplicar óleos essenciais não diluídos na pele ou nos olhos.

Alguns sinais de irritação da pele ou reação alérgica a um óleo essencial podem incluir:

  • pele manchada
  • comichão
  • dor
  • vermelhidão e coceira excessiva

Antes de aplicar o óleo essencial diluído na pele, geralmente é melhor testá-lo em um pequeno pedaço de pele. Se ocorrer uma reação, limpe a pele com sabão e água morna e pare de usar o óleo.

Os óleos essenciais são coadjuvantes no tratamento da ansiedade e sistema nervoso, mas é importante lembrar que são apenas auxiliares naturais para o problema.

A ansiedade pode ter um efeito prejudicial à saúde física e mental de uma pessoa. Se a ansiedade está causando sofrimento significativo ou perturbação na rotina diária de alguém, é de extrema importância procurar ajuda médica.

Os sintomas de ansiedade podem incluir:

  • Dificuldade em dormir
  • irritabilidade
  • tensão muscular
  • evitando lugares públicos
  • querendo ficar em casa
  • dificuldade em se concentrar

Existem muitas intervenções que podem ajudar uma pessoa a gerenciar a ansiedade, incluindo:

  1. psicoterapia, como aconselhamento e terapia cognitivo-comportamental
  2. medicações
  3. técnicas de relaxamento, meditação, atenção plena e ioga
  4. grupos de apoio
  5. mudanças no estilo de vida, fazer exercícios regularmente e a aromaterapia

Se você tem ansiedade ou conhece alguém que sofre desse mal, é muito importante procurar um acompanhamento médico profissional. Os óleos essenciais entram como coadjuvantes, ajudando a minimizar os sintomas e trazendo uma melhor qualidade de vida.

Não deixe de nos acompanhar aqui pelo site e através das nossas redes sociais para mais novidades.

Obrigada e até a próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *